Série "Diários dos cheiros" recebe perfumistas de todo o mundo durante a quarentena - TOPVIEW

Série “Diários dos cheiros” recebe perfumistas de todo o mundo durante a quarentena

Série é veiculada no Instagram tem o objetivo de motivar a inspirar

116 0
Compartilhe

Fragrâncias e perfumes nos rodeiam a todo momento, desde os aromas dos nossos pratos preferidos até as flores do jardim. Enquanto ficamos em casa, os cheiros podem fazer toda a diferença e trazer instantes de conforto e boas lembranças. Pensando nisso, a Givaudan, líder global na criação de aromas e fragrâncias, iniciou a série em seu Instagram denominada de “Diários dos Cheiros”. Nela, os perfumistas de todas as partes do mundo descrevem o que estão sentindo nesse tempo em casa e o quanto cheiros do dia a dia, como o de pratos, flores e tintas, podem ser uma inspiração para o trabalho deles.

Com esse projeto, a Givaudan tem o objetivo de enaltecer a importância de mergulhar a fundo no ambiente ao seu redor e mostrar que é realmente possível tirar inspiração dos mais diversos lugares.

Veja o que os perfumistas vêm sentindo nessa quarentena

Leandro Petit, perfumista sênior da empresa diz que o tem o inspirado é o poder do café e da cozinha em sua rotina diária. No post, Leandro diz que além de apreciar a bebida, o processo da manufatura dos grãos também o encanta. “São diferentes grãos, diferentes torras e sabores”, ele explica. Leandro diz que enaltece os pequenos empreendedores ao comprar café deles, e que está usando este momento para realmente apreciar o café e o bolo de cenoura com cobertura de chocolate de sua esposa.

Já a perfumista Carone Certain Boin, pratica yoga e dança todos os dias, buscando a revitalização e confiando no Sol para positividade e sorrisos. Para inspiração de seus sentidos, Carine prioriza sua flor predileta, a frangipani, que segundo ela, possui um cheiro quente e aveludado, sua fruta favorita, o maracujá, e também se aventura na cozinha, com pratos desde tortas de maçã a flans, utilizando ingredientes como canela, cardamomo, baunilha ou coco.

A natureza é onde a perfumista Marypierre Julien encontra conforto e segurança. Ela aprecia as fragrâncias belas e felizes de suas flores preferidas – peônias, rosas e lírios. Marypierre planta tomates e coentro, descrevendo o cheiro dos tomates como um “gosto de verão com um cheiro de infância”.  

Os aromas de comidas realmente são especiais. Para Amélie Jacquin, a inspiração para criar as fragrâncias vem de receitas de origens diversas, com uma variedade enorme de temperos, desde sopas a biscoitos. Amélie também se inspira no cheiro da natureza, com a primavera sendo sua estação preferida, e dizendo que não há nada como o cheiro de “verde” no sul da França em maio. Buquês de lírios do vale também são fonte para sua criatividade.

Para saber mais sobre o projeto, clique aqui!

In this article

Join the Conversation