Antúrio: como usar a planta do “jardim da avó” em decorações sofisticadas

Antúrio: como usar a planta do “jardim da avó” em decorações sofisticadas

Quando aberta, a flor sugere a forma de um coração - não é de se admirar que o antúrio faça alusão à hospitalidade

409 0
Compartilhe

Provavelmente você já viu essa flor no jardim da sua avó alguma vez – ou, quem sabe, em algum arranjo na sala de estar ou na cozinha. Conhecida no Brasil por outros nomes como flor-verniz, antúrio-de-flor e flor-de-Jorge-Tadeu, o antúrio tem uma aparência exótica e atraente e, do grego, significa “flor de cauda”.

Bastante tropical e resistente, essa planta se adapta a praticamente qualquer ambiente e produz novas flores durante todo o ano – ideal para quem costuma não se dar bem com plantas em geral. Devido a esse caráter de prosperidade ela é conhecida universalmente como um símbolo de hospitalidade. Uma beleza exótica que fecunda tanto em casa quanto no escritório.

Se a intenção é dar um Antúrio como presente, saiba que a flor combina perfeitamente com mulheres maduras, já que também representam confiança e fortuna.

Não é uma flor?

Sabia que a parte colorida e chamativa do Antúrio não é a flor de fato? A natureza criou toda a exuberância em seu entorno para atrair insetos para a pequena – e verdadeira – flor, que tem, nada verdade, o tamanho de um alfinete.

O Antúrio, na verdade, nada mais é a parte amarela na ponta da espiga!

Exemplos de arranjos com antúrio

Freqüentemente usado ​​em buquês de noiva ou outros arranjos de casamento, o antúrio, em um belo vaso, também funciona no lar e traz abundância e felicidade. São três as cores do antúrio: vermelho (remete a amor e paixão) branco (inocência e pureza) e rosa-pink (compaixão, feminilidade, amor maternal).

Veja também: todo o mito por trás da Margarida

Em arranjos mistos as flores de antúrio ficam mais interessantes, descontraídas e sofisticadas. Ou, quem sabe, misturadas a diferentes tons da mesma espécie? #ficadica

Neste Artigo

Converse com a Gente