Embaixadora OMG TOPVIEW: Duda Slaviero, outubro de 2018 - TOPVIEW

Embaixadora OMG TOPVIEW: Duda Slaviero, outubro de 2018

Cavalos são criaturas fantásticas e unem minha mãe, minha irmã e eu – além de serem inspiração fashion sempre

947 0
Compartilhe

Desde pequena, minha mãe sempre nos levou para a fazenda do meu avô em Guaraniaçu (PR) e era lá que ficávamos praticamente todas as férias. Sempre tive contato com cavalos por conta disso. Amo andar a cavalo. Quando estou lá, a minha rotina muda: acordo cedo para ir tocar o gado junto com os peões e, às vezes, até leite de vaca eu tiro. Para mim, os cavalos são criaturas deslumbrantes, elegantes e com olhares muito comunicativos. Sinto-me sempre bem com eles por perto.

Mas mesmo na farm life, eu não perco o meu jeito. Amo a moda country, acho muito cool, sempre com muito brilho. O que eu mais gosto são as botas: quanto mais detalhes e mais chamativas, melhor. Para montar um look perfeito, basta uma calça bootcut (cheia de brilho, é claro) e uma super bota.

Hoje, minha família tem o Haras 3S, onde a minha mãe cria cavalo quarto de milha e minha irmã mais velha é competidora de três tambores. Ela é muito boa! A vida dela gira em torno de competições e rodeios! Assim, cavalos são boa parte do nosso dia a dia.

A minha mãe é uma pessoa incrível e ama os cavalos de um jeito que eu nunca vi. Ela sempre diz que o cavalo é o animal mais fiel para se ter ao lado e sempre fez questão que tivéssemos o máximo de interação com eles. Ela vai a todas as competições com a minha irmã e realmente vive toda a emoção. Isso só me faz admirá-la cada vez mais. Minha mãe sempre foi um exemplo. E a conexão que ela tem com seus bichinhos prova como isso realmente melhora o nosso jeito de viver.

*Matéria publicada originalmente na edição 216 da revista TOPVIEW. 

Neste Artigo

Converse com a Gente