Atenção produtores locais de Curitiba (!!!): Pátio Batel tem um espaço perfeito pra você

Atenção produtores locais de Curitiba (!!!): Pátio Batel tem um espaço perfeito pra você

A Loja do Produtor, do Mercado Gastronômico, traz produtos da região para mais perto do consumidor - coisa que a gente adora

1681 0
Compartilhe

Seguindo o modelo do LabModa – um evento multicultural patrocinado pelo Pátio Batel, que se transformou em uma verdadeira vitrine de moda, tendências, design, cultura e entretenimento em Curitiba – a Loja do Produtor, no Mercado Gastronômico, é um espaço voltado para a venda e divulgação de produtos locais. “Investimos na soma de ideias inovadoras e soluções conectadas às tendências culinárias em um conceito totalmente voltado para os clientes consumirem e vivenciarem a gastronomia local”, afirma a superintendente do Pátio Batel, Giulia Quirino.

Como funciona?

O funcionamento é baseado em um conceito único: a Loja do Produtor oferece cerca de 40 itens e expõe 11 em uma prateleira autônoma, que tem o objetivo de proporcionar uma relação direta entre os produtores e consumidores. Essa exposição é organizada por coleções, que mudam a cada seis meses, sendo a primeira chamada e baseada em “Interpretações”, que propõe uma nova ótica sob a cultura alimentar.

Para conhecer um pouco mais da cultura local e ter essa experiência de compra, a Loja do Produtor organiza as prateleiras contando a história de cada item e de seus produtores. O negócio segue um modelo de economia sustentável com a formação do preço de cada item transparente. Em cada um deles o consumidor entende pelo que está pagando, tornando-se um comprador consciente dos custos de um produto até que ele chegue na prateleira. Depois de escolher os produtos preferidos é só pagar no caixa do Mercado Gastronômico, que tem um ticket único e prático para facilitar o processo de compra.

Processo de seleção

A curadoria é baseada em uma seleção minuciosa de produtos feitos a partir do entendimento de seus propósitos relevantes, como a afirmação de uma tradição familiar, ou a representação de princípios de bem-estar coletivo. “O processo de escolha dos produtos funciona como um constante garimpo, na busca em trazer ao público essas verdadeiras joias da região”, ressalta Renato Bedore, ativista do movimento slow food e um dos fundadores do convivium Slow Food Coré Etuba em Curitiba.

Além de apresentar um mix de diferentes produtos, a Loja do Produtor traz algumas novidades exclusivas, como uma coleção de louças artesanais feitas no torno, desenvolvidas pela designer e artesã de origem japonesa Julie Inada, bem como a linha de acessórios de tecido natural desenhada pela designer Carol Ueberbacker.

Para que os clientes do shopping possam entender a história de cada produto comercializado no local, serão realizados eventos durante os finais de semana de março e abril, entre 17h e 20h, onde os produtores estarão na loja para explicar o passo a passo do processo de produção de suas delícias*.

Alguns dos produtos que estão na coleção “Interpretações”

Vinho Corte Bordolês da Linha Paradigma Rotto da Vinícola Franco Italiano

Aventais da PaniPano

Powstanie Warszawskie – DUM Cervejaria

Entorno – Cerâmicas

Matte’n Roll – Brown Sugar

Caminho do Chá – Graciosa

Franck’s Ultra Coffe – Bourbon Barrel Aged

AMAMEL – Mel de Abelhas nativas

Salumeria Monte Bello

Cuore di Cacao

Neste Artigo

Converse com a Gente