PPT 2019: Personalidade das Artes do Ano - TOPVIEW

PPT 2019: Personalidade das Artes do Ano

Os finalistas do PPT 2019: Artes do ano são: Juliana Vosnika, Juliane Fuganti e André Mendes

Compartilhe

PPT 2019: PERSONALIDADES ARTES DO ANO

O retorno de Juliana à direção do MON, neste ano, abriu novos ares na gestão do maior museu de arte da América Latina. Foram desenvolvidas ações mais inclusivas, inovadoras e plurais, “para que o museu seja um espaço de diálogo permanente”. Um dos marcos foi a exposição do artista chinês Ai Weiwei, além da consolidação do Programa de Patronos, que dobrou o número de adesões em 2019. Com isso, por três meses consecutivos, de maio a julho, registrou-se um aumento expressivo de visitantes, em relação ao mesmo período do ano passado. Formada em Economia e com especializações em gestão e turismo, Juliana sempre foi uma apreciadora da arte, desde a infância. “Meu bisavô, o escritor e poeta Dario Vellozo, talvez tenha sido a primeira influência cultural”, relembra.

Juliane, uma das maiores referências na gravura nacional, começou 2019 com o lançamento do catálogo de sua exposição no Museu Oscar Niemeyer (MON), Juliane Fuganti Cinco Elementos. Uma parte dela foi exposta em Paris, abrindo a 14 Bienal de Curitiba. Já teve suas obras expostas em Buenos Aires, Madrid, Lisboa, Porto, Frankfurt, Berlim, Nova York e Lion. Há 30 anos, atua como professora de arte na Escola de Música e Belas Artes do Paraná e está na área das artes plásticas desde 1983. Sobre o legado que quer deixar, diz esperar “ter contribuído para a formação de público sensível às artes.”

O ano de André foi agitado. Ainda assim, é enfático ao escolher o que mais se orgulhou: o Projeto Laços. Como coordenador artístico, ele ministrou oficinas no Hospital Pequeno Príncipe e, ao final, uma exposição com as obras — que foi vista por mais de 15 mil pessoas. Além disso, abriu duas exposições individuais: em Curitiba, na Galeria Zilda Fraletti, e em Roma. Suas obras já foram expostas em Paris, Cingapura, Banguecoque, Kuala Lumpur, Barcelona e Porto. André é, também, especialista em murais. Para ele, a arte “liberta, transborda, cativa e alerta.” O maior reconhecimento de seu trabalho? O próximo convite.

 

Citados pelos jurados

Sandra Hiromoto, Rimon Guimarães, Cristovão Tezza, Consuelo Cornelsen, Luis Ernesto, Malu Rogers, Monica Richibter, João Luiz Fiani, Rafael Greca e Sérgio Alba.

*Matéria originalmente publicada na edição 230 da revista Topview.

In this article

Join the Conversation