Sobo: um cachorro mais que querido, meu dog amado - TOPVIEW

Você deve amar além do humano

Em uma edição Kids e Pets, nada como homenagear meu cachorro tão amado

Compartilhe
Sobo

Quando eu chego em casa todos os dias, uma grande alegria se prolifera no ar. Lá está ele. SOBO, caramelo e lindo, com o seu rabo – rabocóptero (.sic) -, o seu macaquinho de pelúcia na boca e uma felicidade maior do mundo em me ver. Meu coração fica apertado por ter deixado ele durante o dia (apesar de bem cuidado) e por isso, já largo logo minhas coisas e vou correndo pela casa com o macaquinho que antes estava na sua boca.

O barulho das patinhas no assoalho é um dos sons mais lindos, pois tem o significado do amor e da beleza da entrega do humano e do animal em um momento de pura inocência e ludicidade. SOBO, meu cachorro mais que querido, o meu dog amado. Meu parceiro e eu adotamos o SOBO há três anos, foi o início de uma jornada de muito trabalho e dedicação a um ser que se comunica de forma diferente e quem tem necessidades próprias mesmo sendo um animal, no caso um cachorro.

Descobrimos como o mercado voltado a pets é bilionário e oferece diversas opções de serviços, como por exemplo terapeutas e produtos de moda, além de centenas de possibilidades de consumo. Vivemos um novo momento, e quando falo nós, é porque o número de pets em residências aumenta cada dia mais. Diante desse cenário, a TOPVIEW vem desenvolvendo nos últimos 30 meses matérias relacionadas a esse tema e já tivemos duas edições focadas no mundo dos pets. Mas este ano fomos além e em parceria com a Jovem Pan criamos o Prêmio Meu Dog é TOP, que elegeu entre 1300 cachorros inscritos, o DOG TOP do ano, o dog simpatia, o dog fifi, o dog vira-lata e o dog de raça, além de homenagear um dog do BOPE que prestou um grande serviço para comunidade nos últimos 12 meses.

O barulho das patinhas no assoalho é um dos sons mais lindos, pois tem o significado do amor e da beleza da entrega do humano e do animal

Para realizar este projeto que teve quase 1 milhão de votos, nós contamos com o Condor apresentando o Prêmio Meu Dog é TOP, patrocínio de MRV, Petland e Quartz, além do apoio da Drogavet. O nosso profundo agradecimento a todos esses parceiros. Temos uma excelente notícia, com quase 1 milhão de votos doaremos como contrapartida social 1 tonelada de ração para projetos que recolhem e cuidam de cachorros abandonados. E é sobre cachorros abandonados que nós precisamos conversar. Não existe um número oficial, mas são milhares de cachorros recolhidos por ONGs e cuidados por voluntário por todo o território nacional.

E é um problema que não para de crescer, por isso, é fundamental que a sociedade civil cobre e exija uma política pública para lidar com animais abandonados e mais do que isso, é extremamente necessário tratar do comércio de animais domésticos. Cada semana, um novo caso de maltrato de animais domésticos em criadouro é revelado. Trata-se de um completo absurdo sendo obrigatório um posicionamento nosso na defesa da vida e da dignidade também dos animais, a TOPVIEW é a favor e estimula que as pessoas adotem animais domésticos e não os comprem. Nós todos somos responsáveis por vidas, independente se são humanas ou animais.

Quando eu ouço a voz da fonte Não sei que canto que encerra Parece o gozo do mundo Dentro do ventre da terra
Quando eu ouço a voz do rio Me lembro de passarinho Um é livre outro é vadio Cantando pelo caminho
Quando eu ouço a voz do vento Não acerto nem me engano Não é mágoa nem lamento É cantiga de cigano
Quando eu ouço a voz do mar Tanto é mansa quanto ataca Não sei quando é de ninar Nem sei quando é de rezar
Quando eu ouço alguma voz Na janela do horizonte De alguém cantando por nós É Deus cantando de fronte
Quando eu ouço a voz do mar Tanto é mansa quanto ataca Não sei quando é de ninar Nem sei quando é de rezar
Quando eu ouço alguma voz Na janela do horizonte De alguém cantando por nós É Deus cantando de fronte

 

Alguma Voz de Dorival Caymmi e Paulo Pinheiro, interpretada por Maria Bethânia

*Carta editorial originalmente publicada na edição 229 da revista TOPVIEW.

In this article

Join the Conversation