Barba e cabelo podem facilitar transmissão do coronavírus; saiba como prevenir - TOPVIEW

Barba e cabelo podem facilitar transmissão do coronavírus; saiba como prevenir

Fios capilares e pelos faciais são ambientes propícios para a proliferação e sobrevivência do vírus causador do Covid-19

239 0
Compartilhe

Grande parte das pessoas já sabe que o principal cuidado para prevenir a proliferação e a contágio do Coronavírus é higienizar as mãos com frequência. Mas, de acordo com a dermatologista Dra. Paola Pomerantzeff, não é apenas com as mãos que devemos nos preocupar. “A barba e o bigode podem ‘abrigar’ o vírus caso a pessoa esteja contaminada e espirre ou tussa, eliminando gotículas. Ou então a pessoa não infectada pode estar com as mãos não higienizadas e tocar a própria barba, facilitando a transmissão do vírus”, explica. E o mesmo vale para os cabelos!

Apesar disso, o dermatologista Dr. Jardis Volpe, ressalta que não existe uma recomendação dos órgãos sanitários para que homens retirem a barba como medida de segurança para reduzir o contágio do novo coronavírus. Já a orientação de andar com os cabelos presos é mais voltada para os médicos, que, geralmente, colocam a mão no cabelo e, em seguida, na máscara.

Isso não quer dizer, porém, que você não possa tomar alguns cuidados extras com relação à barba e os cabelos para evitar o contágio pelo Coronavírus. “No caso da barba, não há necessidade de removê-la por completo, a não ser que você queira ter uma preocupação a menos. Porém, se você continuar com a barba, é fundamental não tocar os pelos faciais e higienizar muito bem a região todos os dias”, recomenda a Dra. Paola Pomerantzeff.

Já no caso dos cabelos longos, vale a pena mantê-los presos caso haja a necessidade de sair de casa, mas lembre-se de higienizá-los quando voltar. “Além disso, preste muita atenção para não tocar nos fios caso suas mãos não estejam devidamente limpas”, diz a Dra. Paola.

In this article

Join the Conversation