SAÚDE INTESTINAL: Brasileiros demoram, em média, 5 anos para identificar doenças inflamatórias- TOPVIEW

SAÚDE INTESTINAL: Brasileiros demoram, em média, 5 anos para identificar doenças inflamatórias

A ausência de um diagnóstico correto pode até acarretar em procedimentos invasivos

0
Compartilhe

Você sabia que o brasileiro demora, em média, cerca de cinco anos, para diagnosticar as doenças inflamatórias que atingem o intestino? O alerta veio de uma pesquisa do Centro de Doença Inflamatória Intestinal publicada no periódico americano Dovepress, que analisou pacientes com Doença de Crohn e Colite Ulcerativa!

Essas são as duas doenças inflamatórias intestinais (DII) mais comuns. A dificuldade do diagnóstico acontece pela similaridade com os sintomas de outras doenças que também apresentam sintomas como dores abdominais, fezes com sangue ou muco, além de inchaço no abdômen.

Segundo o enfermeiro estomaterapeuta Antônio Rangel, consultor da Vuelo Pharma, o acompanhamento médico ao surgir qualquer sintoma é essencial.

“Para o diagnóstico precoce é importante observar o histórico familiar e sintomatologia. O especialista irá avaliar necessidade de realização de exames como a colonoscopia”, conta.

Uma das maiores preocupações dos especialistas é o agravamento destas enfermidades, que podem culminar inclusive em procedimentos invasivos. Quando as doenças inflamatórias intestinais estão em estágio avançado, existe uma inflamação grande do intestino, sendo necessário, por vezes, cirurgia para limpeza do órgão.

As complicações relacionadas ao atraso do diagnóstico podem levar o paciente a uma ostomia temporária ou até permanente – e, consequentemente, a uma mudança significativa na sua qualidade e estilo de vida.

Portanto, o cuidado preventivo é sempre a melhor escolha para evitar piores complicações no futuro!

In this article


Join the Conversation