Expectativa de volta às aulas movimenta produção de máscaras infantis no Brasil - TOPVIEW

Expectativa de volta às aulas movimenta produção de máscaras infantis no Brasil

Empresas estão criando e desenvolvendo produtos especialmente para as crianças

Compartilhe

Com a expectativa da volta gradual às aulas em diversas regiões do Brasil, há a preocupação com a proteção dos alunos. Pensando nisso, empresas estão criando e desenvolvendo produtos especialmente para a segurança das crianças neste próximo contexto.

Um exemplo é o da Isoflex, que está lançando máscaras infantis nomeadas como Face Shields. A empresa paranaense, especializada em soluções em gestão visual, tem adaptado suas atividades à alta demanda por proteção do mercado nacional e produzido diversos itens de segurança desde o início da pandemia.

Agora, atenta às tendências da Ásia e Europa, onde o número de contaminações é decrescente, a fabricante resolveu adiantar o desenvolvimento de máscaras destinadas às crianças, seguindo o exemplo do que vem acontecendo em países que estão retornando progressivamente às atividades normais

“Ainda não estamos no ponto de retorno às aulas no Brasil, mas resolvemos nos adiantar desenvolvendo as máscaras Face Shields infantis, que são confeccionadas em tamanho especial para crianças. Tem película de proteção nos dois lados, a superfície interna do arco é emborrachada para não machucar a cabeça e o material da viseira é maleável, evitando acidentes em caso de quedas”, comenta a diretora de marketing da Isoflex, Carolina Wolfart Hartmann.

In this article

Join the Conversation