Rodolfo Magno Baggio: ajudar a vida financeira das pessoas - TOPVIEW

Rodolfo Magno Baggio: ajudar a vida financeira das pessoas é refletir mudanças para as famílias

Os objetivos do sócio da Allez Invest para este ano buscam transformar a marca em um case de sucesso

Compartilhe
Rodolfo Magno Baggio

Nascido em Paranavaí, Rodolfo Magno Baggio encontrou em Curitiba motivos de sobra para ficar — e sonhar. Já são nove anos vivendo na capital mais fria do país e traçando uma trajetória de sucesso, grande parte construída na Allez Invest.

Foi durante a graduação em Administração e pós-graduação em Gestão e Mercado Financeiro na FAE, que o jovem de 26 anos deu o pontapé inicial na carreira. Na época, ele já conhecia Arthur Weber Rubert e Renan Hamilko Barbosa, dois dos sócios da Allez.

“Eles estavam querendo estruturar uma outra empresa e, na época, eu tinha acabado de me pós-graduar. Não sabia se ia voltar para a minha cidade ou continuar aqui e construir algo novo com a experiência que adquiri com os estudos. Tudo acabou dando certo, conheci eles na época que estava pra fazer essa decisão na minha vida”, conta.

O primeiro contato com o mercado financeiro, entretanto, aconteceu quando Rodolfo era bem mais novo, aos 21 anos. Nesta idade, o atual sócio da boutique já comprava no Tesouro Direto do governo. Após muito estudo, conversas e aprofundamento no negócio, o ex-atleta de tênis — seu amado hobby — decidiu ir além de investir, mas realmente trabalhar com o mercado. “Eu percebi que muitos profissionais estavam ingressando no mercado e ajudando as pessoas a aplicar melhor suas finanças, então entendi que poderia ser uma grande oportunidade para mim, tanto na parte profissional como na pessoal.”

A principal mudança na vida de Rodolfo depois que se associou à Allez Invest, com certeza, foi a agenda — agora super atarefada e com rotina apertada. Mas isso não é preocupação para ele, que se dedica ao trabalho com o maior prazer, como contou durante a entrevista.

Muitas das atribuições que o investidor possui e que mostram o seu sucesso no mercado, vieram do tênis, o esporte praticado por ele há tantos anos. “O tênis é um pouco mental. Tem que saber lidar com determinadas situações, então acho que me trouxe disciplina e vontade de querer ganhar”, ele explica. Apesar de não ter se consolidado como atleta no esporte, Rodolfo guarda as inúmeras experiências e amizades que conquistou ao viajar pelo estado e pelo país disputando torneios. E por falar em viagem, a América do Norte marcou presença em uma fase da vida do sócio. Aos 16 anos, ele fez um intercâmbio para Vermont e para a Pensilvânia, onde pode aprender muito, inclusive a se cuidar sozinho, já que a experiência só incluiu um primo como parente.

“Foi uma aventura! Eu não fiz muito planejamento, mas meus pais queriam que eu fosse estudar fora na época para ter uma experiência fora do Brasil. Tive oportunidade de fazer faculdade de business lá, mas eu era muito novo, então por outros motivos acabei não ficando”, conta.

Ah, conhecer o Oriente está dentro dos planos do viajante que, acima de tudo, é apaixonado por experiências. Isso explica a facilidade com que se imerge no mercado financeiro. “Eu gosto de atuar mais na parte de renda variável, que agora eu comecei a guiar aqui no escritório. Mercado de bolsa, fazer relatórios, identificar oportunidades em empresas que são cotadas pela bolsa, fundo imobiliário… Acabo gostando de todas as áreas”, afirma.

Para ele, poder ajudar a vida financeira das pessoas, atender os clientes com respeito e se dedicar à empresa são os objetivos para o ano de 2020. Ele garante que deixando tudo alinhado, a Allez Invest terá um grande case de sucesso nos próximos anos.

In this article

Join the Conversation