PPT 2019: Psicólogo do Ano - TOPVIEW

PPT 2019: Psicólogo do Ano

Os finalistas do PPT 2019: Psicólogo do Ano são Menyr Zaitter, Jeniffer Tavares e Grazielle Tagliamento

Compartilhe

Segundo a Organização Mundial da Saúde, 86% dos brasileiros sofrem com algum transtorno mental, como ansiedade e depressão – dado que reforça a importância dos profissionais apresentados a seguir.

PPT 2019: Psicólogo do Ano

Vencedor da categoria Psicólogo do Ano

Ética é a palavra que referencia a profissão e a vida pessoal de Menyr Zaitter. O psicólogo tem uma trajetória aperfeiçoada com cursos, participação em congressos e todo o conhecimento na área eternizados nos livros que escreveu. O último ano trouxe como realização o convite para a participação em comissões de orientação em dependência química e família. Para o psicólogo, o que mais se orgulhou de ter feito são os projetos implementados nas faculdades, na Secretaria de Segurança Pública, além da orientação e do tratamento de policiais e familiares. A conclusão do mestrado e do doutorado também são sinônimos de orgulho na carreira de Zaitter. Nas horas vagas, o que não deixa de fazer é aproveitar a família e, principalmente, curtir os netos.

Finalista da categoria Psicólogo do Ano

Falar sobre abuso sexual infantil não é uma tarefa simples, mas Jennifer Tavares executa essa missão com maestria. A psicóloga e empreendedora social fundou o Instituto Desenhando Sorrisos com o intuito de expandir os atendimentos psicológicos de sobreviventes vítimas de crimes. Para ela, “saber ouvir, colocar-se no lugar do outro e ajudá-lo a utilizar suas potencialidades para a superação de seus medos” são as principais características de um bom psicólogo. Aliás, fazer parte da história de superação de uma vítima e ajudar aquelas que ainda estão presas no silêncio é o que ela mais sente orgulho de ter realizado no último ano.

Finalista da categoria Psicólogo do Ano

Falar sobre abuso sexual infantil não é uma tarefa simples, mas Jennifer Tavares executa essa missão com maestria. A psicóloga e empreendedora social fundou o Instituto Desenhando Sorrisos com o intuito de expandir os atendimentos psicológicos de sobreviventes vítimas de crimes. Para ela, “saber ouvir, colocar-se no lugar do outro e ajudá-lo a utilizar suas potencialidades para a superação de seus medos” são as principais características de um bom psicólogo. Aliás, fazer parte da história de superação de uma vítima e ajudar aquelas que ainda estão presas no silêncio é o que ela mais sente orgulho de ter realizado no último ano.

CITADOS PELOS JURADOS

Ademir Correa Pedroso, Celia Mazza de Souza, Fernanda Stresser, Cristina Almeida e Verônica Stasiak Bednarczuk de Oliveira.

*Matéria originalmente publicada na edição 230 da revista TOPVIEW. 

In this article

Join the Conversation