Tudo sobre o Pátio Gastronômico do Pátio Batel - TOPVIEW

Tudo sobre o Pátio Gastronômico do Pátio Batel

A ser lançada no segundo semestre, a novidade vai ampliar as opções de alimentação e promover a interação dos curitibanos com a gastronomia

1994 0
Compartilhe
O novo complexo gastronômico está previsto para inaugurar no segundo semestre deste ano.

Referência em compras e moda, o Pátio Batel quer se tornar também modelo em gastronomia. Para isso, o shopping – que já tem três anos em Curitiba – vai dar um grande passo com a criação do Pátio Gastronômico. No evento realizado à imprensa na quinta-feira, dia 9, a superintendente do Pátio Batel, Giulia Quirino, explicou que o projeto – a ser inaugurado no segundo semestre – vai dobrar as opções de alimentação, que hoje são 25.

Segundo Giulia Quirino, o Pátio Gastronômico vai começar com 25 novas opções de alimentação.
Segundo Giulia Quirino, o Pátio Gastronômico vai começar com 25 novas opções de alimentação. Foto: Naideron Jr.

Intitulada Pátio Gastronômico, a novidade surge ousada e inovadora, na medida em que reúne em um só lugar diversas atrações voltadas à gastronomia. Não serão apenas ótimos restaurantes – a exemplo de La Varenne, Pobre Juan e Alessandro e Frederico, que já funcionam no mall -, mas negócios que promoverão, além do consumo, compras e vivências em gastronomia.

A conceituação e modelagem foi produzida pela consultoria curitibana Mapie, por trás de outros projetos inovadores na cidade como o Nomaa Hotel e a Mercadoteca. Já a arquitetura será assinada pelo coletivo de criação Be.Bo., dos renomados arquitetos cariocas Bel Lobo e Bob Neri.

Como vai funcionar o Pátio Gastronômico

Tudo começa com a chegada de dois novos restaurantes no piso L3, o La Pasta Gialla e o Steak Bar Bull Prime. No piso L2, em um espaço em frente ao Madero, outro restaurante deve surgir nos próximos meses. Mas as grandes novidades estarão mesmo no piso L4 – o do cinema, onde já funciona a praça de alimentação.

É lá que estarão o Mercado Gastronômico, o restaurante Pop-up, o Laboratório de Inovações Gastronômicas, o Pátio Externo e uma área para happy hour. “É um projeto que já surge grande, pois começa com 25 novas operações”, sintetiza Giulia. No Mercado Gastronômico será possível encontrar até 14 lojas com produtos que irão desde carnes, pães, temperos, doces e queijos, até charcuteria, alimentos importados e de produtores paranaenses. Além da comodidade, o bacana é que haverá um sistema de check-out único na saída.

Já o restaurante Pop-up vai receber, a cada quatro meses, um tipo de comida diferente. Ou seja, será possível provar menus diferentes e exclusivos de chefs nacionais e internacionais periodicamente, e sem sair de Curitiba. No Laboratório de Inovações Gastronômicas, haverá um espaço para eventos, ativações de marcas e degustações. Com uma estrutura flexível, a área poderá ser moldada para atender os mais diferentes encontros e promover iniciativas do setor.

Outro destaque é que este espaço contará com duas lojas incubadas, destinadas a start ups de gastronomia que serão escolhidas mediante processo específico. “O objetivo é estimular o empreendedorismo e as boas ideias. Este espaço terá aluguel subsidiado e o tempo máximo de permanência será de 1 ano, permitindo que a empresa se consolide e mude para um novo local”, conta Giulia.

Um dos momentos preferidos dos curitibanos, o happy hour, também mereceu atenção no projeto do Pátio Gastronômico. Ele vai unir estrutura interna e a varanda – nos moldes do que já faz o Gards Rooftop Bar – e contará com uma loja de cervejas premium e um wine bar.

Para finalizar, além aproveitar sabores, aromas e experiências, o shopping promete oferecer lazer e entretenimento com o Pátio Externo. O local de conforto e descontração proporcionará ambiente descontraído tanto para adultos como para crianças, com atrações específicas para os pequenos.


Converse com a Gente