ESTILO

‘Sou a Casa Toda’ apresenta reflexões sobre vivências individuais em espetáculo virtual gratuito

Com apoio da Fundação Cultural de Curitiba, o drama contemporâneo traz quatro pessoas em uma jornada de autodescoberta e questionamento

O espetáculo Sou a Casa Toda, como sugere o nome, ambienta-se em uma casa, habitada por quatro seres humanos que investigam e expõem suas reflexões particulares – e, ao mesmo tempo, encontram a universalidade de suas verdades individuais – em um convite à conexão e à cura. A estreia será no dia 7 de abril, às 20h, virtualmente. Os ingressos estão disponíveis gratuitamente pelo Sympla.

Quem somos nós em nossas casas? E quem é a casa? O corpo? Os cômodos? Essas são algumas das reflexões que conduzem o drama contemporâneo, com orientação dramatúrgica de Carlos Canarin e direção de Sergius Ramos.

“No momento que a gente vive, entendemos que é uma urgência falar sobre nossa relação com nossos lares, e não havia um palco melhor pra essa conversa do que uma casa”, conta Ramos.

O próprio processo de desenvolvimento do espetáculo reflete os nossos tempos: foi feito à distância, utilizando as casas dos artistas como um laboratório de criação. Apenas ao final, a equipe encontra-se reunida sob o mesmo teto, isolados durante dias. A peça é uma homenagem às vivências particulares, ao mesmo tempo em que celebra o compartilhamento de novas construções.

Convivência, solidão, pertencimento, saudade. Dores comuns, mas também dores únicas. É possível se sentir sozinho, mesmo com a casa cheia? Não caber dentro da sua própria casa? Sou a Casa Toda terá temporada de 8 a 24 de abril, de quinta a domingo, às 20h. Haverá, também, bate-papo com a equipe e elenco após o espetáculo nos dias 15, 17 e 24 de abril.

No elenco, estão os atores Di Peroni e Fabio Ogassawara e as atrizes Maisa Ribeiro e Sabrina Marques. O projeto foi realizado com recursos do Programa de Apoio e Incentivo à Cultura, da Fundação Cultural de Curitiba, da Prefeitura Municipal de Curitiba e do Ministério do Turismo.


Serviço

Estreia online: 7 de abril – 20h

Temporada: 8 a 24 de abril – 20h (quinta a domingo)

Para ingressos gratuitos, acesse o link.

Bate-papo após espetáculo: 15, 17 e 24 de abril, com elenco e equipe

16 de abril, com dramaturgo Carlos Canarin

Ingressos bate-papo no link.

Deixe um comentário