ESTILO INOVAçãO & TECNOLOGIA

Galeria de arte NFT? Case de curadoria brasileira torna-se global

Luis Ramalho, fundador da coleção Fingerprints DAO, fala sobre o objetivo de ter o maior hub de Crypto Arte da América Latina

Recentemente, a Fingerprints DAO collection chegou ao Brasil com o objetivo de ser referência em contratos inteligentes para obras artísticas digitais com base em NFTs de músicas, ilustrações, filmes, grafites e outros formatos. A coleção, criada em 2021 pelo empresário Luis Ramalho e o sócio Renato Shirakashi, traz em seu slogan a mensagem “Collecting Beautiful Code”, algo como colecionando um lindo código. O projeto se propõe a ser o maior hub de coleção de arte digital da América Latina em um mercado que já cresce consideravelmente, atraindo mais de 200 mil participantes com vendas em torno de US$ 3 bilhões só em agosto de 2021.

LEIA MAIS: O que você precisa saber antes de incluir NFTs na sua declaração de Imposto de Renda 2022

As obras artísticas, uma vez registradas no sistema da FingerPrints, tornam-se digitais, permitindo ao criador receber royalties sempre que o NFT é vendido e revendido. Antes da obra subir na plataforma para consulta e venda, é analisada por um comitê de curadoria e aquisição que vai avaliar os recursos utilizados na obra, o impulso conceitual e a estética.

“Acreditamos que o contrato inteligente de arte é um dos desenvolvimentos artísticos mais significativos deste século e queremos ser referência neste mercado que ainda é pequeno”, afirma Ramalho, que, atualmente, possui uma coleção na plataforma avaliada em mais de 200 milhões de dólares, presente em vários países e com um catálogo com artistas em todos os continentes. Segundo dados do site NonFungible.com, que reúne informações do setor, o número de carteiras ativas de NFTs subiu 26% em relação ao quarto trimestre de 2021 e 159% ante os primeiros três meses de 2020, chegando a 142.863 no fim de março deste ano. Vale lembrar que uma pessoa pode ter mais de uma carteira desse tipo.


(Via: Forbes Brasil)

Deixe um comentário