Descubra como funciona a cerimônia de coroação britânica - TOPVIEW

Descubra como funciona a cerimônia de coroação britânica

Igual há centenas de anos, a Inglaterra tem a cerimônia mais tradicional. Como esperado, é um momento cheio de detalhes e protocolos. Veja!

1286 0
Compartilhe

Vários país europeus mantêm suas cerimônias de coroação. A mais tradicional, sem dúvidas, é a da Família Real Britânica, que permanece igual há anos. Como todas as cerimônias da Família Real, ela é cheia de detalhes e protocolos que são seguidos à risca.

Muitos pensam que a coroação acontece junto com a nomeação do novo rei ou rainha – que ocorre no dia seguinte à morte do monarca anterior. Na verdade, a coroação espera o momento de luto passar. Este momento pode chegar a levar meses e só então o novo rei ou rainha recebe a coroa.

Os detalhes da cerimônia de coroação britânica

A coroação começa com o novo monarca saindo de Buckingham rumo à Abadia de Westminster. Como ele percorre o trajeto? Em uma carruagem folheada a ouro! Na Abadia, o regente deve entrar pela porta oeste e é recebido pelas famílias reais de outros países, clero, grandes chefes de estado e políticos. Ao som de um hino, ele caminha até o teatro, passa pelo coral e chega ao trono. Chegando lá, se ajoelha e faz uma breve oração.

Ao se sentar, o arcebispo da Cantuária passa a comandar a cerimônia. Após ser reconhecido oficialmente como rei, os convidados presentes abençoam o regente com a conhecida frase God Save The King/Queen (Deus Salve o Rei/Rainha).

O novo monarca deve fazer um série de juramento com a mão em cima da bíblia para que, assim, comece a unção – o momento mais solene da cerimônia. Nesta parte, o rei se senta em frente ao altar e é escondido por um pano, para que receba o óleo sagrado em suas mãos, peito e cabeça. Ele é vestido com um manto dourado e recebe as jóias da Coroa, como a espada, anel e cetro. Por fim, recebe a Coroa St. Edward’s enquanto o público entoa, novamente, a frase Deus Salve o Rei/Rainha. O regente recebe mais uma benção e se senta no trono.

Assim é a coroação. Após esta cerimônia, os convidados passam a prestar homenagens. O primeiro é o arcebispo, que deve beijar a mão direita do monarca. Depois de alguns ritos religiosos, o rei oferece pão e vinho para que seja realizada a comunhão. Após este momento, ele segue para uma capela para trocar o robe dourado por um roxo e retira a coroa por uma mais leve, a Coroa do Estado Imperial. Ele sai da abadia com o hino nacional tocando.

Neste Artigo

Converse com a Gente